ONLINE a partir de 29 Nov - Todas as segundas: Meditação Colectiva Aberta (19h50)

ONLINE a partir de 29 Nov – Todas as segundas: Meditação Colectiva Aberta (19h50)

Às segundas-feiras voltam as sessões de meditação coletiva orientada remota, não só em lisboa mas também noutros pontos do país. Convidamos todos a participar e a contribuir para o elevar das mentes e corações!

 

Quando:

Começa 29 de Novembro 2021.

Todas as segundas feira das 19h50 às 20h40  – https://zoom.us/j/844143899

Se está a vir pela primeira vez chegar às 19h30 para ter uma introdução.

Previamente:
Instale o software Zoom no computador ou telemóvel (instruções abaixo).

5 min antes da hora:
Encontre um local para meditar, tanto quanto possível silencioso e isolado.
Estabeleça ligação utilizando o link fornecido em cima.

Ao ligar:
Será colocado numa sala de espera virtual. Aguarde para ser adicionado à conferência. Uma vez iniciada a meditação pode não ser possível entrar, para não perturbar a sessão.

Estrutura da sessão:

19:30 Explicação inicial para pessoas novas. Quem quiser pode colocar questões.

19:50 Início das práticas:

  • Repetição coletiva do mantra Baba Nam Kevalam (“a essência de tudo é Amor/Consciência”). Convida-se todos a repetirem o mantra e o movimento no local onde estiverem. Mantenham o microfone desligado (muted) durante esta fase, caso contrário o som fica distorcido.
  • Meditação guiada seguida de meditação em silêncio. Agradecemos que mantenham o microfone desligado.
  • Partilha final e perguntas/comentários. Será feita uma partilha pelo(a) orientador(a) do programa, seguido de um espaço livre para questões ou comentários. Qualquer pessoa pode comentar/colocar questões.

Em geral: mantenha o microfone desligado durante a sessão sempre que não necessitar de falar. Se quiser ligar o video cria mais proximidade, se preferir pode manter o video desligado.

 

** Instruções para instalar Zoom **
O zoom funciona em computador ou telemóvel. Será necessário ter acesso à internet para instalar e para os encontros matinais.